calendário

2017 vai voar

captura-de-tela-2016-12-07-as-19-15-54

São vários os fatores que apontam para um crescimento da observação de aves como atividade no país. Pouco a pouco surgem guias, destinos, hotéis com estrutura – e a cada dias mais gente posta listas, fotos e sons em plataformas como Wikiaves, E-bird ou Táxeus. Mas há um outro aspecto que leva à mesma ideia: a expansão dos eventos de observação por todo o país. O Avistar (principal evento do meio no Brasil) ganhou crias regionais. O #vempassarinhar, conceito que une observação de aves e ciência cidadã numa divertida passarinhada em grupo (e que nasceu no Observatório de Aves do Instituto Butantan) hoje se espalha em parques e áreas verdes de diversas cidades. E mesmo o conceito de Big Day pegou por aqui – no ano que vem vamos para a terceira edição do Big Day Brasil. Além disso, o tempo todo, observadores se unem para passarinhar, para trocar experiências, para criar atividades divertidas com as crianças.

Para tentar unir essas atividades (ou parte delas) em um único calendário, surge agora uma plataforma colaborativa online- uma iniciativa de várias entidades em conjunto. A ideia é simples: qualquer um pode cadastrar seu evento neste Link aqui. Assim os observadores podem se preparar e agendar a participação naqueles que consideram mais importantes ou interessantes. A plataforma foi lançada há poucos dias, mas já dá pra ver que 2017 promete. São dezenas de eventos programados. Que tal dar uma olhadinha e já ir se preparando para o ano novo?

O mercado de publicações especializadas

Livro do fotógrafo Anselmo d'Affonseca traz 137 espécies
Livro do fotógrafo Anselmo d’Affonseca traz 137 espécies

Por um bom tempo era difícil encontrar, nas livrarias, obras especializadas em avifauna. Os livros editados eram poucos – e muitos tinham um pé na ornitologia. Boas obras vinham de fora, outras saíam em número limitado, bancadas por um patrocinador. Este cenário mudou muito. Hoje, além de excelentes guias de campo (como os do Tomas Sigrist, que também publica livros de arte), há diversas opções de livros de fotografia, de muitos bons autores. O melhor: de autores em vários estados, mostrando a força de nossa biodiversidade. Um dos livros mais recentes traz as imagens capturadas por Anselmo d’Affonseca (um colaborador assíduo do blog e autor também das imagens do aplicativo de iPhone Aves da Amazônia), com textos dos pesquisadores  Ingrid Torres de Macedo e Mario Cohn-Haft. A obra, intitulada Aves da Região de Manaus, conta com 137 espécies que podem ser encontradas nos parques e locais turísticos da capital do Amazonas. Para adquiri-la pode-se entrar em contato com a Editora INPA através dos e-mails: editora@inpa.gov.br ou editora.vendas@gmail.com.

Outro lançamento, este já tradicional, é o Calendário Aves Brasileiras. A versão 2013 já está disponível. É um ótimo presente de fim de ano. As fotos são todas do grande Edson Endrigo, e trazem um mosaico de cores e formas da avifauna por todo o Brasil. A publicação da Aves & Fotos pode ser encomendada pelo site da editora. O preço é de R$ 20.